O Programa Ciência na Escola que, entre outras medidas, objetiva aprimorar o estudo de ciências nas escolas de educação básica, estimular o interesse dos alunos pelas disciplinas científicas, identificar jovens talentos, qualificar professores e democratizar o conhecimento e popularizar a ciência no país, foi instituído pelo governo federal, por meio de decreto assinado pelo presidente da República, publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (3).

O programa estabelece ações como: a criação da Olimpíada Nacional de Ciências e a instalação do curso de especialização a distância, denominado Ciência é Dez!. Além disso, institui um Comitê Gestor, ao qual caberá deliberar sobre as estratégias de implantação e definir a política de monitoramento e avaliação do Ciência Na Escola.

O Comitê Gestor será formado por um representante do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, que o coordenará; um do Ministério da Educação; um da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; um do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; e um representante da sociedade civil.

De acordo com o decreto, o Comitê Gestor terá, entre outras funções, deliberar sobre as estratégias de implantação e sobre a política de monitoramento e avaliação do Programa; aprovar o regimento interno do comitê, no prazo de 60 dias, contado da data de sua instalação, e suas modificações; e recomendar a contratação de estudos e pesquisas.

A primeira reunião ordinária do Comitê Gestor do Programa Ciência na Escola ocorrerá no prazo de 60 dias, a contar a partir de hoje, data de publicação do Decreto nº 10.151/2019.

O programa foi lançado em abril deste ano pelos ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Serão disponibilizados R$ 100 milhões para instituições apresentarem projetos visando a estimular essa temática nos bancos escolares.

Poderão concorrer a esses recursos redes de instituições que envolvam escolas, universidades, centros de ciência e espaços de desenvolvimento científico e inovação. As verbas serão distribuídas em diferentes escalas de projetos, como estadual (R$ 4 milhões), interestadual (R$ 10 milhões) e regional (R$ 20 milhões).

Fonte: Agência Brasil

Procura por graduação a distância aumenta na pandemia

O Mapa do Ensino Superior no Brasil 2020 apontou crescimento de 145% nas matrículas em cursos de graduação a distância, entre 2009 e 2018. O

Sesab abre processo seletivo com vagas em administração e direito

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) irá contratar 30 profissionais das áreas de ciências jurídicas (28) e administração (2)

Apoio ao setor cultural receberá R$ 3 bi por meio de plataforma

Recursos serão destinados as ações de apoio cultural durante pandemia Estados, municípios e o Distrito Federal terão acesso aos R$ 3 bilhões

Atenção: Resultado do Fies sairá nesta terça-feira

Quem não for pré-selecionado pode disputar vaga na lista de espera O Ministério da Educação (MEC) divulgará nesta terça-feira (4) o

Novos caminhos: programa apresenta pós-graduação para professores

Curso será focado na epistemologia, didática e prática pedagógica específica da educação profissional Em um encontro on-line entre

Unicef lança guia que reúne orientações para escolas durante a

O documento é público e pode ser acessado pela internet Na busca de ajudar as escolas no planejamento de reabertura ou de readequação de

Encceja 2020: com provas marcadas para dezembro, saiba o que estudar

Candidatos já podem se preparar para conquistar a certificação do ensino fundamental ou médio O Exame Nacional para Certificação de

Programa oferecerá pós-graduação para professores da rede

Em um encontro virtual realizado pelo Ministério da Educação (MEC) com representantes dos estados e do Distrito Federal, na última semana, foi

Caravelas paga professores com reajuste do piso e parcelas do

Desde o mês de abril o salário dos professores caravelenses já estava sendo pago com o reajuste de 12,84%, em cumprimento à valorização dos

Decreto que proíbe aulas e eventos em toda a Bahia é prorrogado por

Válido até esta sexta-feira (31), o decreto estadual n° 19.586, que proíbe a realização de eventos com mais de 50 pessoas e atividades em

Nossos Apoiadores: